skip to Main Content

Smart Solutions for Smart Grids

O Oriente é logo ali: Transformadores chineses passam a contar com solução completa de monitoramento Treetech

O mês de junho foi marcante para a Treetech. A empresa brasileira – especializada em sensores e sistemas para monitoramento de ativos elétricos – concluiu a primeira parte do comissionamento de transformadores da chinesa NARI. Além disso, os técnicos da multinacional asiática receberam treinamento para correta instalação e utilização dos sensores.

O representante comercial Rodrigo Silva e o engenheiro de aplicação Leandro Fumache foram designados para esta etapa de aproximação entre as empresas. Enquanto Silva foi o responsável – desde 2015 – pelas tratativas mercantis com os chineses, Fumache aplicou sua experiência com a solução Treetech no treinamento dos funcionários da NARI e no comissionamento dos dois primeiros transformadores (um de 41,67 MVA e outro de 30 MVA) de um total de 22, vendidos pelos chineses a uma grande concessionária sul-americana.

Sede Nari

Representantes da Treetech, Rodrigo Silva (esq.) e Leandro Fumache, em frente à sede da NARI, em Nanjing

Foram aproximadamente 20 dias na província de Shandong, mais especificamente na cidade de Jinang, que conta com mais de três milhões de habitantes e é onde fica a fábrica da NARI. Além disso, os representantes da Treetech se reuniram com os chineses na sede da empresa, que fica em Nanjing, na província de Jiangsu, com o intuito de prospectar novas parcerias para os próximos anos.

Toda a linha de sensores Treetech – MBR, MO, AVR, TM, BM, DI, PI, IDM, SPS, LAD e GMP – está sendo instalada em cada um dos transformadores. Cada sensor terá, ainda, os dados coletados pelo sigma4net, software da própria empresa brasileira que permite ao usuário a coleta de dados e geração de informação na tela de seu computador.

Visita a Guangzhou e mais negócios à vista

Responsável pela prospecção de novos negócios no país oriental, Rodrigo Silva também se deslocou até a cidade de Guangzhou, na província de Guangdong, onde fica a filial chinesa da alemã Siemens.

Nos próximos meses, 12 transformadores da empresa, fabricados em solo chinês, carregarão consigo os sensores Treetech. A visita técnica serviu para a discussão dos projetos em andamento e, assim como no caso da NARI, para a análise de mais acordos em território asiático.

Reconhecida mundialmente por sua tecnologia pioneira em sensores e sistemas para o monitoramento de ativos elétricos, a Treetech, empresa sediada em Atibaia-SP, está presente em mais de 50 países, com mais de 80.000 produtos vendidos em todos os continentes.

Back To Top